Plantas que florescem à noite: Os Belos Jardins da Lua

0
223

Os jardins são apreciados principalmente de dia. Decoramos com plantas e floríferas que tenham atração neste período de maior luminosidade. No entanto os “jardins da lua” (moon gardens) abordam uma técnica de paisagismo que também dá destaque a plantas que florescem à noite. Venha conhecê-las.

 

Plantas que Florescem à Noite Estão Recebendo Mais Destaque

Nos últimos anos as flores noturnas estão sendo colocadas como uma atração extra nos jardins. A iluminação adequada, com spots ou lanternas, podem dar um atrativo maior em dias quentes para as pessoas aproveitarem.

As flores que abrem à noite são, em geral, de cor bem clara. Brancas na maioria.

Dentre estas, muitas exalam perfume e têm pontuações invisíveis aos nossos olhos. Só podemos enxergá-las sob luz ultravioleta, mas são visíveis para os polinizadores.

Há trilhas da borda da corola em direção ao néctar no fundo da flor. O polinizador entra, roçando nas anteras carregadas de pólen. E, ao visitar outra flor, depositam sua carga, realizando assim o que se chama de polinização cruzada.

Mariposas e morcegos são os grandes polinizadores das flores noturnas.

Cactos que Florescem à Noite
A grande maioria das plantas que abrem suas flores à noite são cactáceas.

Mandacaru: o Cereus Giganteus
Temos o mandacaru (Cereus jamacuru ou Cereus giganteus), característico de zonas áridas no Nordeste brasileiro. Ele chega a mais de 6,0 m de altura e cladódios segmentados em forma de castiçal.

Suas flores são brancas. Medem 12 cm de comprimento e abrem somente à noite.

Cacto Rainha da Noite (Hylocereus undatus)

Também cactáceas, de menor porte, temos o cacto rainha-da-noite (Hylocereus undatus). Este tem cerca de 5,0 m de comprimento, bastante ramificado com cladódios triangulares.

Suas flores são grandes e perfumadas. Chegam a até 20 cm de comprimento e abrem à noite, durante o verão.

Mandacaru-de-Crista (Pilocereus chrysacanthus)
Outra cactácea muito apreciada é o mandacaru-de-crista (Pilocereus chrysacanthus var. cristata). O Pilocereus é originário do México, com até 4,0 m de comprimento.

Apresenta os cladódios achatados, ondulados com formato de crista, com inúmeras ramificações com espinhos curtos. Suas flores são rosadas também com duração de uma noite.

Cacto-Sianinha (Selenicereus anthonyanus)

Um dos melhores adendo para regiões de clima quente com cultivo de cactáceas é o cacto-sianinha ou cacto zig-zag (Selenicereus anthonyanus).

Tem 1,0 m de comprimento, ramos achatados com profundos sulcos intercalando a direção. Parecem mesmo uma sianinha.

As flores são grandes, de 15 cm de comprimento. Com a base das pétalas em rosa forte e as do centro rosa claro. São efêmeras também: abrem ao anoitecer e aos primeiros raios de sol da manhã já fenecem.

Todas estas flores mencionadas são também popularmente conhecidas como “ dama da noite” . Mesmo se tratando de espécies distintas.

Uma Orquídea de Floração Noturna
Outras flores também merecem menção, com florescimento noturno. Temos uma orquídea, Epidendrum nocturnum, nativa da América Central e Sul, em regiões de temperaturas mais altas.

Seu formato é delicado. Tem sépalas longas de cor castanho-claras e pétalas brancas. Abre somente à noite e tem perfume bem forte.

Plantas Herbáceas que Florescem à Noite

Exóticas de flores noturnas são a Sene (Silene nutans), uma herbácea perene de até 80 cm de altura, nativa da Europa. Apresenta folhas espatuladas e flores pequenas de quase 2,0 cm. Tem pétalas brancas tubulares com sombra rosa.

Seu florescimento ocorre no verão e abre 3 noites seguidas.

Outra muito interessante é a estrela-da-tarde, (Oenothera biennis), nativa da América do Norte. Herbácea bienal de até 1,50 m e flores amarelo-limão, que abrem à noite e duram até à outra noite.

Também da América do Norte é a a flor-chocolate (Berlandiera lyrata). Tem 60 cm de altura, folhas pinadas e flores em capítulo amarelo com centro marrom.

O florescimento ocorre nas noites de primavera até o verão. Os estames têm sabor que lembra o chocolate e as flores são comestíveis.

Fonte: fazfacil.com.br

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here